domingo, 30 de janeiro de 2011

Planos


Veja como são as coisas. Sempre fiz planos, tive sonhos, idealizei tantas coisas. Você chegou e mudou tudo. Trouxe consigo novos sonhos, novos planos. Ficou tudo diferente. Claro, vieram novas preocupações, medos, ansiedade, saudades. Uma vitamina de sentimentos, de sensações. Tudo novo.
Agora alguém divide tudo isso comigo. Se relacionar é isso, mais ou menos isso. Dividir, somar, multiplicar. Tudo que eu queria agora era subtrair, subtrair de mim essa saudade imensa do simples toque da sua mão, do brilho dos seus olhos castanhos que me fitavam por longos minutos, sem dizer uma palavra.
Hoje sei que não havia amado antes de conhecer você, que tudo aquilo que eu imaginava ser amor devia ser qualquer coisa, mas amor, amor mesmo, não era. Isso eu tenho certeza.
Na saudades a gente percebe quanto tempo perdeu de cara emburrada, que sejam dez minutos, mas são 10 minutos ao lado daquela pessoa que não se tem mais. Aprender a valorizar. Aprender a amar o suficiente pra que a simples existência de alguém, mesmo distante, em algum lugar, faça do mundo um lugar melhor, dêem um motivo real pra que, finalmente, faça-se planos esperando cumprir. Deite-se na cama e pense nele, que agora é menos um dia. Melhor pensar assim. Saudade que não sai de mim e no rádio Pink Floyd insiste em "How wish you here" adivinhando meu tom melancólico e saudosista. Eu queria, queria que você estivesse aqui, mas espero, espero por você, pra não precisar mais dizer adeus. Meu plano hoje é você e eu.

3 comentários:

  1. Oi Lyris, gosto do seu jeito romântico..!Faz uma visitinha em meu blog!Já estou te seguindo...bjs

    ResponderExcluir
  2. Olá adorei teu blog, lindo mesmo. Parabéns. Fique a vontade para fazer uma visitinha ao nosso e seja mais um membro. Você é nosso convidado especial. http://poetarenatodouglas.blogspot.com/.
    Um grande abraço!

    Renato Douglas!

    ResponderExcluir
  3. que lindo! amey. muito bom mesmo, parabéns! :*
    to seguindo o seu blog *-*

    ResponderExcluir